A verdadeira moral de contos de fadas

|| ||

i pessoal, como vão vocês? Agora são 2:38 da madrugada, eu não consegui dormir, então fui buscar um assunto diferente, dessa vez vai ser um assunto que eu gostei muito. Bom, como não tenho muito tempo e a postagem vai ser grande, irei logo começar a falar sobre. Lembram da Lilith? Pois é, uma verdade oculta em casos mais famosos do mundo. Dessa vez vai ser de contos de fadas. Muitos podem achar que são legais ou fofinhos, mas o que eu tenho que dizer é... por favor, não caia em farsas! Sabe a verdadeira moral dos contos de fadas? Irei contar a vocês agora. -Leia mais.

Bom, nunca se sabe quem foi que escreveu o livro, foram passadas de gerações por gerações contados por uma até outra alma. E claro, por terem passado tanto tempo claro que vai existir várias versões e etc... A disney com certeza pega as versões que mais tem os finais felizes, então já entnderam a real né? Que nessas versões todas a Disney só pega o que realmente condiz com o mesmo.
Claro que, nenhum doido vai ler as versões originais para os filhos né? Só eu.

Agora eu irei contar a história de versões originais a vocês, só comentem se realmente lerem a postagem ^^'

A bela adormecida
O conto original de Belle au bois Dormant foi escrito pelo francês Charle Perrault em 1697. Depois o italiano Giambattista Basile publicou o Sun, moon and Talia. Que foi a inspiração de Perrault e do conto que conhecemos.
Uma farpa de linho entra sob a unha da princesa Tália e ela imediatamente cai morta. O rei coloca sua filha em uma cadeira de veludo do palácio, tranca e parte para sempre, pra apagar a lembrança de sua dor.
 Algum tempo depois, outro rei estava por ali caçando e encontra Tália. Ele apaixona-se por sua beleza mas como não consegue acordá-la, a estupra e vai embora. Nove meses depois Tália dá a luz a gêmeos, Sol e Lua, mas continua adormecida. Um dia um dos bebês não encontra seu seio para mamar e coloca a boca no dedo da mãe e suga. Suga com tanta força, que extrai a farpa e faz despertar.
 Um dia o rei lembra de “sua aventura” com Tália e resolve ir visitá-la. A esposa do rei descobre o caso e manda cozinhar as duas crianças e serví-las para o rei. Mas o cozinheiro prepara cabritos no lugar. Depois a rainha manda buscar Tália para lançá-la ao fogo, mas o rei chega e lança a própria esposa no lugar de Tália. Ele casa-se com Tália e vive com ela e seus filhos.

A Branca de neve e os sete anões
O conto ficou famoso através da versão dos irmãos Grimm, que escutaram de sua irmã Janette e Amalie, que virou com nome: Little Snow White.
Branca de Neve tinha 7 anos quando provocou a ira da rainha-madrasta por causa de sua beleza. Então a rainha convoca um caçador e pede que leve Branca de Neve para a floresta e a mate, trazendo seus pulmões e seu fígado para provar a morte. O caçador tem pena de Branca de Neve e a deixa fugir, levando pra rainha os órgãos de um javali. Então a rainha come os órgãos.
 Enquanto isso, Branca de Neve acha a casa dos anões e em troca de lavar, passar, costurar, limpar e arrumar a casa, eles a deixam ficar.
 Ao descobrir que Branca de Neve ainda está viva, a rainha vai até a casa dos anões 3 vezes. Primeiro, ela leva um corpete de seda, e tenta matar a garota apertando o corpete bem forte. Não funciona, então ela volta com um pente envenenado e tenta a matar penteando seus cabelos. Na terceira vez ela vai com a maçã envenenada.
 Dessa vez os sete anões chegaram tarde demais e nada fez a Branca de Neve acordar. Como sua aparência ainda era boa e ela tinha bochechas coradas, eles não tiveram coragem de a enterrar e fizeram uma cripta de vidro para ela.
 Um dia um príncipe viu a cripta com a princesa e quis comprá-la dos anões. Os anões se recusaram a vendê-la, mas acabaram dando para o príncipe com pena, pois ele pediu muito. O príncipe tinha empregados para carregarem a cripta, mas um deles tropeçou e caiu, derrubando o caixão de vidro.  Com a queda, Branca de Neve cuspiu o pedaço de maçã envenenada e voltou à vida.
 O príncipe e Branca de Neve planejam então uma festa de casamento e convidam a madrasta má (que não sabe que Branca é a noiva). Ela se arruma e quando se olha no espelho e pergunta, descobre que Branca está viva. Ela decide ir ao casamento mesmo assim e fica apavorada quando vê que a noiva realmente é Branca de Neve.
 Então, colocam um par de sapatos de ferro na brasa. Tiram da brasa e vestem na madrasta, a fazendo dançar até cair morta.

Cinderela
Cinderela é um conto é bem antigo com versão grega A.C e 800 antes em China. Há centenas de versões e na maioria delas Cinderela foge de seu próprio pai que quer casar-se com a filha lembrando sua mãe. Assim como a Bela adormecida esse também existe suas versões. As mais famosas de Perrault e dos irmãos Grimm. Mas bom, iremos contar?
Pai, mãe e filha eram uma família feliz até que a mãe ficou muito doente. Ela chamou a filha e disse-lhe para plantar uma árvore em seu túmulo, e sempre que precisasse de algo, fosse lá chacoalhar a árvore. Ela plantou e regou com suas lágrimas.
 Algum tempo depois o pai se casou com outra mulher, que já tinha duas filhas más que apelidaram a menina de Cinderela. A madrasta logo botou a menina para trabalhar como empregada.
 Um dia, o rei anunciou 3 bailes e Cinderela foi obrigada a ajudar as irmãs a se arrumar para o primeiro baile. Ela não tinha vestido e tinha que separar lentilhas antes que as irmãs voltassem. Depois que elas saíram para o baile, dois pássaros bateram na janela e se ofereceram pra ajudar Cinderela com as lentilhas.
 No dia seguinte as irmãs contaram do baile para Cinderela (que tinha visto tudo da janela). E na mesma noite, teve outro baile. Dessa vez Cinderela não pôde ir porque teve que separar sementes. Os pássaros novamente a ajudaram.
 Quando eles acabaram, os pássaros disseram pra ela ir ao túmulo da mãe, ela sacudiu a árvore e ganhou um esplêndido vestido prata com acessórios. Mas ela tinha que voltar antes da meia-noite. Ela voltou pra casa e encontrou uma carruagem com serventes e cavalos para levá-la ao baile.
 Assim que dançou com ela o príncipe percebeu que ela seria sua esposa. Antes da meia-noite ela voltou para casa.
 No dia seguinte as irmãs más contaram sobre a misteriosa princesa que dançou com o príncipe. E na mesma noite haveria o 3º baile. Cinderela teve que ficar separando ervilhas e novamente os pássaros a ajudaram e ela chacoalhou a árvore de sua mãe.
 Dessa vez, Cinderela ganhou um vestido dourado com pedras preciosas e sapatilhas feitas de ouro. O príncipe já a esperava na escadaria e dessa vez fez muitas perguntas à seu respeito.
 Cinderela quase perdeu o horário e teve que sair correndo, perdeu um dos sapatinhos e ainda perdeu a carona, ficando no meio da rua com suas roupas velhas.
 O príncipe não a viu, mas encontrou seu sapatinho de ouro e proclamou que se casaria com a pessoa cujo pé coubesse nele.
 Chegou a vez das irmãs experimentarem. A madrasta as chamou e disse que se o sapatinho não coubesse, elas deveriam usar uma faca e cortar um pedaço de seus pés. A irmã mais velha experimentou e não serviu, então cortou seu calcanhar e o sapatinho serviu. O príncipe já estava levando ela para o castelo quando os pássaros amigos de Cinderela cantaram dizendo que tinha sangue no sapato. O príncipe viu e levou a impostora para casa.
 Então a segunda irmã experimentou os sapatos e precisou cortar os dedinhos para servir. Novamente o príncipe estava levando ela pro castelo e os pássaros deduraram o sangue.
 O príncipe voltou para a casa e perguntou se havia outra garota. A madrasta não queria, mas ele a fez chamar Cinderela. O sapatinho serviu e ele reconheceu sua noiva. Eles vão se casar e quando as irmãs vão para assistir, os pássaros bicam seus olhos e elas ficam cegas.

A pequena Sereia
Pequena Sereia foi de 1837 por Hans Christian Andersen. A disney usou essa versão mas trocou o trágico final por um feliz.
A pequena sereia possuía 5 lindas irmãs mais velhas, filhas do Rei do Mares. Quem cuidava das 6 meninas era a avó. E quando elas completavam 15 anos ganhavam a permissão de ir à superfície.
 Na sua ida à superfície, a pequena sereia se apaixona por um príncipe de um navio (e o salva quando o navio afunda). Ela vai atrás da bruxa do mar para ganhar pernas, mas sob algumas condições: ela perderá a voz, a cada passo sentirá dor como se pisasse em facas e por fim, se o príncipe não se casar com ela, ela estará condenada a virar espuma do mar.
 Depois da transformação ela se aproxima do príncipe e ele passa a amar, mas como se ama uma criança e não uma esposa.
 Algum tempo depois, um casamento é arranjado entre o príncipe e uma princesa de um reino próximo. Ele confunde a princesa com sua salvadora e fica noivo dela.
 No dia antes do casamento, as irmãs da sereia aparecem. Elas deram seus cabelos para a bruxa em troca de uma faca, que se cravada no coração do príncipe, dará a chance de a pequena sereia continuar viva e voltar a ser sereia como antes. Mas a pequena sereia não tem coragem de realizar tal ato e acaba virando espuma do mar

A Bella e a Fera
Essa história foi de Andrew Lang em 1889. Nessa versão não existe nada mágico! Se chama Bella e a fera. Vamos ver o conto?
Nessa história o mercador tem outras duas filhas interesseiras e três filhos além de Bela. Qdo o mercador viaja, elas pedem coisas caras e Bela pede apenas uma rosa vermelha. No meio da jornada o mercador encontra um castelo, lá dentro ele tem tudo que precisa, como comida e lareira pra se aquecer. Mas quando vai embora, rouba uma rosa para sua filha. Então a Fera aparece e fica furiosa e diz que só o perdoa se ele lhe trouxer uma de suas filhas.
 O mercador volta para casa e Bela é a filha que se oferece para ficar com Fera. Chega no castelo pensando que vai ser devorada mas ele a trata como uma princesa. Além disso, Fera deixa o mercador encher dois baús com riquezas e levar para sua casa.
 Toda noite a Fera pede Bela em casamento e ela recusa. Um dia Bela pede para ir visitar seu pai, pois está preocupada e com saudade. A Fera deixa, mas a Bela deve voltar em dois meses, do contrário a Fera morrerá.
 Um dia Bela sonha com a Fera morrendo e se assusta e resolve voltar na mesma hora. Quando chega no castelo a Fera está realmente morrendo e Bela percebe o quanto o ama e diz. Então ele acorda e a pede novamente em casamento. Qdo ela aceita, ele se transforma em um lindo príncipe.


Bom, não só como essas eu conheço, mas a de Caichinhos dourados que em vez de entrar uma menininha na casa dos ursos, entra uma raposa e quando o urso encontra ele na cama so ursinho, a joga para fora da casa com tantas forças em suas garras que chega a quebrar todos os ossos da coitada. Tem a de Os três porquinhos,que os dois primeiros que o lobo invade a casa são comidos, mas no terceiro cai da chaminé e o porquinho transforma-o em uma sopa. E a de Chapeuzinho vermelho que todas elas, a menina é estuprada. Tem uma versão que nem caçador tem e a velha fica morta. Até a próxima, gente, beijinhus~ ♥

34 comentários:

  1. Cruzes, acabou com a minha infância, KAOKSA' -q

    Beijos,

    Juu-Chan do Nescau com Nutella.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OAKSPOAKSPOAKSP' na minha infânncia eu acho que iria adorar o3o
      beijinhus~♥

      Excluir
  2. Bem realistas as histórias rs, a mais deferente foi a bela e a fera I, que não tinha nada a ver e tais, mas até que foi legal, relembrar minha infancia, pois quando eu era criança sempre quiz que a história terminasse com o final infeliz rsrs -soudumal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade eu não achei tão diferente esse conto o_o

      Excluir
  3. Que doido *o* e minha infância foi iludida com esses contos de fadas :( ashuasua
    Kiss
    with-you-s2.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. '-' OMG, kk lendo agora nao parece assustador, mais se eu lese quando era criança omg' tinha ficado traumatizada, se bem que eu nunca fui fã de contos de fadas '-' preferia o desenho dos dinossauros kkkk'

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gostava mais de Pokemón, entre outros HSUAHSUAHSUAHS' -q
      beijinhus~♥

      Excluir
  5. Caramba, vou chorar! Eu só conhecia a história da Chapeuzinho Vermelho. Não acredito que a pequena sereia virou espuma do mar... espera aí! Eu já vi uma espuma do mar, e se for ela? AHSUDHDYSHSYD :P
    Beijinhos

    Retribui comentários?
    blue--cloud.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HSUAHSUAHSUAHSUAHSUAHS' se for ela mesmo?? o_o
      beijinhus~♥

      Excluir
  6. Que horror :O
    Estragou minha infância ;A;

    - Modern HTML

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a minha não u_u -q KKKKKKKKKKKK #brinks xD
      beijinhus~♥

      Excluir
  7. Já tinha lido sobre isso uma vez, é muito louco, AUSHUHASH'
    Mas achei bem interessante essas verdades ocultas >u<

    Chu ~ ♡
    mikicandy.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Se me contassem esses em criança ficava aterrorizada!
    Gostava de saber de aceitas afiliação com o meu blog. Chama-se Pugs Generation.
    Eu sigo o teu blog, segues o meu?
    Aguardo resposta,
    Rita

    pugsgeneration.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. A gente quando criança lia todas essas histórinhas e nem imagina o que realmente havia por detrás delas .

    morango-mordido.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. seu blog é muito kawaii!
    gostei ^_^

    ResponderExcluir
  11. Nossa que isso, a que eu achei mais diferente foi a Bela e a Fera I, as outras não estão assim tão diferente, mas, coitada da pequena sereia :( fiquei triste
    Beijocas
    todopragarotas.blogspot.com
    alinewdesigner.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. na verdade o que eu achei mais igual foi a da Bela e a Fera ;) -q
      beijinhus~♥

      Excluir
  12. Meu Deus, eu não sabia de nenhuma dessas
    Estragou minha infância, mas achei MUITO LEGAL *----*
    Caraca que legal, não fazia a minima ideia de que eram essas as verdadeiras historias *3*
    Muito legal mesmo
    Amei a postagem, super criativa e interessante >3<
    ~kissus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hehe, obrigada~
      a minha infância não foi estragada, via Sexta feira 13, Massacre da Serra elétrica desde os 3 aninhos de idade -q KKKKKKKKKKKk
      beijinhus~♥

      Excluir
  13. PUTA MERDA...
    Primeiramente estou aqui Linda, pq faz tempo que não vinha
    lhe visitar...
    Que histórias mano, daí só conhecia a da pequena sereia e da chapeuzinho vermelho... Sóooo!!

    #Infância destruída rsrsrs
    Mas é bom saber, e recomendo a todas as meninas não deixarem as filhas sonharem com príncipes encantados, pq a única coisa que terão é decepção na vida.
    Chega de lição de moral né!?

    Muito boa a postagem..
    E obrigada por visitar o Isengard!! \o/
    Tudo de bom..
    Até logo <3

    ResponderExcluir
  14. LOL o.o
    Infância sendo destruída em 3..2..1
    hsuahsaus' Não são histórias assustadoras, mas sim estranhas. Quando era pequena gostava da Bela Adormecida, não quero nem saber como é a história original e.ê
    Ótima postagem :3

    http://otomenihon.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Realmente,teve algumas que nunca passaria pela minha mente,mas a da Bela adormecida e da chapeuzinho como você citou,tipo nunca iria passar por nenhuma mente,eu irei contar a verdade para meus filhos,tem muita coisa escondida por trás da disney,por exemplo teve um desenho que o Slender simplesmente aparece.
    Realmente tipo tem um lado obscuro,e eu ADORO isso,torna mais interessante.
    Enfim,ótima postagem,adorei o assunto,não vejo aparecer muito isso em blogs.Amei

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hehe, obrigada~
      Eu também contaria a verdade aos meus filhos, rs
      beijinhus~♥

      Excluir
  16. O.O
    Estou completamente sem palavras... que violência, nossa... xD
    Não sabia que os contos eram tão violentos na verdade... O.o
    Adorei o post ^^

    Kisses~

    ResponderExcluir
  17. AEAHUAHUEHAUEHUE Eita xD
    Eu adoro essas postagens que mostram o verdadeiro lado das coisas, sabe? u-u
    A da Bela e a Fera é a única que tem final feliz, sério AEHUEAHUEHUA
    Agora a da Bela Adormecida é tensa. Tipo, ela tá lá, mortinha, de boa, aí chega um cara e estupra ela '-'
    Mas enfim, eu gostei do post. Eu acho que irei contar para meus filhos AHEAUAHUEHUEHAUHU Quero ter um filho menino, daí ele não vai ficar com frescurinha de "ai, que horror". A menos que.. AEHUEHUEHEUHUE Adios o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HSUEHSUEHSUEHSUEHS, mas tem meninas que não tem frescura a nada (em geral, tpo unhas, terror, e tals.), Tipo eu XD qqqqqqqqqq
      Bom, eu também concordaria em ter um filho menino, e mesmo sendo gay nem quer dizer que ele vai ser frescurento e_e -q
      beijinhus~♥

      Excluir

- Requests tem de ser feito na minha Ask, mas não me importo de serem feitos pelos comentários.

- Não façam comentários merdosos, ex: Poha, lindo, vai te fuder, ou seja, os sem lógicas! Mas eu permitos gírias.

- Se quiser que eu retríbua é só pedir, deixando o link do seu blog!

- Aceito "seguindo, segue de volta?", não acho nada errado nisso!

- Eu leio e respondo todos os comentários possíveis!